Fevereiro- Mês da Consciência Negra Americana

Oi, gente!

Como já sabemos, no Brasil, o mês e dia da consciência negra é dia 20 de novembro- data que Zumbi dos Palmares foi morto.

Nos Estados Unidos da América o mês de celebração da Consciência Negra é em fevereiro.

10396-fevereiro-o-mes-da-historia-negra

Tudo começou em 1915, 50 anos após a Terceira Emenda, que aboliu a escravatura nos Estados Unidos.
Foi quando o historiador Carter G. Woodson fundou a The Study of African American Life and History- ASNLH(Associação para Estudo da Vida e História Negra), que é dedicada a pesquisar e promover as conquistas dos povos negros americanos e outros povos afrodescendentes.

229px-AfricanAmericans1
Em 12 de fevereiro de 1909 foi formada a NAACP ( National Association for the Advancement of Colored People is a civil rights organization in the United States), que é a organização bi- racial que promove a justiça dos afro-americanos.

Civil-Rights-March

Nessa mesma data, não por coincidência, era o centésimo aniversário de Abraham Lincoln – O 16° presidente do EUA, importantíssimo nome na causa abolicionista.
Sendo assim a partir dessa data, o dia 12 fevereiro, passou a ser a semana da consciência negra.

110 CivilRightcoalition1981 14' wide

No entanto somente na década de 60, devido aos fortes Movimentos de luta por igualdade racial que culminavam, assim, a Semana da História Negra se tornou o Mês da História Negra, porém, somente em 1976, o mês foi reconhecido oficialmente como o Mês da Consciência Negra, pelo presidente Gerald R. Ford.

Desde então, todos os presidentes dos EUA designaram oficialmente o mês de fevereiro como o Mês da História Negra.

E em outros países mundo afora, incluindo o Canadá e o Reino Unido, também devotam um mês para celebrar a história negra.

17268167

O intuito da comemoração, além de reflexão é a celebração e exaltação de todas as conquistas dos Negros americanos até os dias de hoje, que assim como no Brasil, tiveram um importantíssimo papel na construção do país.

De acordo com o Census Bureau in The United States de 2017, 17,9% da população americana é negra. O país ainda sofre com a desigualdade racial, mas ainda assim, está há anos luz na frente do Brasil, pois como vemos, nem mesmo a metade da população é negra.

 

Porém ainda assim, comparando com o Brasil, que é o país com mais negros em diáspora. Conseguimos detectar  uma maior representatividade negra em todos os campos.

nike_6

A Nike esse ano vem promovendo uma campanha para celebrar o mês da Consciência Negra. No intuito de questionar o atual estado da tal igualdade racial na terra das oportunidades.

Tem LeBron James fazendo as vezes de protagonista, e aparição de uma fileira de celebridades que são patrocinadas pela marca, o filme prega que a igualdade não deve ter fronteiras. Já é assim dentro das quatro linhas de um campo e de uma quadra esportiva, e, portanto, assim também deveria ser fora delas: “Se podemos ser iguais aqui, podemos ser iguais em todos os lugares”.

A criação é da Wieden + Kennedy de Portland. O texto, que tem locução do ator Michael B. Jordan, fala diretamente sobre igualdade racial, mas dado o momento político americano, também pode facilmente ser lido de maneira mais ampla.

O comercial tem como trilha sonora uma versão da clássica “A Change Is Gonna Come”, de Sam Cooke, cantada por Alicia Keys (que também aparece no vídeo).

Video: Igualdade: Atrás das cenas

 

Um beijo e até a próxima!🤗⚘

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s